menu

Operário volta aos treinos para duelo com o Oeste nesta sexta

Vitória garante a permanência do Fantasma na edição 2021 da Série B e consolida time como uma das forças nacionais

Depois de empatar por 1 a 1 com o Vitória-BA, na noite deste domingo (3), na primeira partida oficial de 2021, o Operário Ferroviário passa a planejar a partida da próxima sexta-feira (8), 19h15, diante do Oeste-SP, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. Uma vitória contra o time paulista garante a permanência do alvinegro para a edição 2021 da Série B.

Para a partida desta sexta, o técnico Matheus Costa terá os desfalques do volante Jimenez e do zagueiro Ricardo Silva, ambos levaram o terceiro cartão amarelo e estão suspensos. Fabiano retorna para a lateral esquerda e Alex Silva se mantém na lateral direita, assumindo a titularidade, após Sávio deixar o clube.

“O Fabiano retorna ao time, o Reniê vai fazer a função do Ricardo, o Alex Silva muito difícil que não participe desse jogo. Provavelmente vai ser essa linha de quatro, com Alex, Reniê, Bonfim e Fabiano, não é uma certeza, mas a tendência é ser essa. Ao natural também deve ser a substituição que até foi feita na partida, com o (Leandro) Vilela no lugar do Jimenez para dar sequência e manter essa base”, comentou Matheus Costa, em entrevista coletiva após a partida com o Vitória.

O Oeste é o lanterna da Série B, com 23 pontos e precisa de um milagre para não ser rebaixado. O time de Barueri tem que vencer todas as seis partidas que restam e ainda torcer por tropeços dos adversários diretos no rebaixamento. Apesar da fragilidade do adversário, o treinador do Fantasma avalia que é preciso manter o foco e não dar o duelo como vencido.

“O Oeste temos que ter muita atenção, (o time) não condiz com a condição que está na tabela, fizeram bons jogos recentemente. Mas, a gente tem que mostrar a nossa força dentro de casa, buscar a vitória desde o início e sabemos da nossa capacidade de vencer. Atingir os 45 pontos e, a partir daí, a gente procurar fazer a melhor pontuação possível para acabar na melhor classificação possível”, diz Matheus.

Vencendo o duelo desta sexta-feira, Matheus Costa acredita que o Fantasma se consolida no cenário do futebol nacional. “O Operário está mostrando hoje a grandeza que é e a gente vai brigar por coisas boas. Hoje estamos entre os 40 maiores clubes do Brasil e temos o objetivo de figurar entre os 20 (maiores) em processo a longo prazo, o Operário tem condições”, finaliza.

Bueno desequilibra na Série B

Ricardo Bueno, 33 anos, vem desequilibrando e fazendo toda a diferença no ataque do Operário. O atleta que já teve passagens por Grêmio, Atlético-MG, Palmeiras, Figueirense, Santa Cruz, Ceará, CSA, entre outros clubes nacionais e internacionais. Com a camisa do Fantasma, Bueno marcou 5 gols e assumiu a artilharia do time na Série B. O atacante chegou em Vila Oficinas no dia 3 de novembro, como um substituto a Róger, que vestiu a camisa do Operário por 50 dias. Bueno já caiu nas graças da torcida, que mesmo sem poder acompanhar os jogos do Operário no estádio aprova as atuações e o desempenho do atleta em campo.

Gestão 2021

A indefinição para assumir o comando do Grupo Gestor do Operário continua gerando muitas especulações nos bastidores. Com a saída anunciada de Álvaro Góes, nomes como Emílio Glinski, Lourival Pontarollo e Antonio Luis Mikulis são os mais cogitados para estarem a frente da próxima gestão do alvinegro.

Últimas Notícias
Campos Gerais 04/01/2021 ás 21:30h
Ponta Grossa 04/01/2021 ás 21:01h
O Melhor da Educação 04/01/2021 ás 20:30h
Ponta Grossa 04/01/2021 ás 19:53h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/350000/cover_00351511_00.jpg?xid=1017208
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades