menu

Grupo católico doa roupas a crianças da Amazônia

As roupas foram confeccionadas e doadas pelo grupo Pontos com Amor, que reúne cerca de 50 pessoas na produção de peças infantis utilizando material sustentável

Padre José Nilson Santos, sacerdote da Diocese de Ponta Grossa que está em missão na Prelazia de Lábrea (AM) há quatro anos e três meses, passou férias em Tibagi, sua cidade natal, onde chegou no final de novembro. Nesta terça-feira (5), o padre retornou à Amazônia e levou consigo uma bagagem de peso: 480 peças de roupa que serão entregues em oito comunidades a crianças de zero a seis anos, atendidas pela Pastoral da Criança da Paróquia São João Batista, da cidade de Canutama. A paróquia é administrada pelos padres diocesanos Osvaldo Pinheiro e José Nilson, desde março.

As roupas foram confeccionadas e doadas pelo grupo Pontos com Amor, que reúne cerca de 50 pessoas na produção de peças infantis utilizando material sustentável. “Usamos jeans, toalhas de mesa, lençol, túnicas de padre, jaleco dos ministros, camisas. Foi enviado, para meninas, um vestido, uma calcinha ou shortinho e um lacinho de cabelo, e, para os meninos, uma bermuda e uma camiseta”, conta a coordenadora do grupo, Neusa Justus, explicando sobre a doação feita à Pastoral da Criança de Canutama.

O ‘Pontos com Amor’ iniciou em Curitiba, em 2017. Um braço do grupo foi montado em Ponta Grossa em setembro do ano passado. São só mulheres. A maioria, católicas. Um grupo corta as bermudas, outro corta os vestidos e distribuem para costura. Uma pessoa cuida da parte dos detalhes: enfeites dos bolsinhos, alças. O projeto atende crianças de dois a 14 anos. Todas as integrantes são voluntárias. “Independente da distância, o amor e a solidariedade é o que dá sentido à nossa existência. O nosso objetivo é confeccionar roupas para crianças carentes, que são enviadas para vários lugares do Brasil e para fora do país, inclusive, para crianças da África. Tudo o que nós utilizamos é material reciclável”, comenta Neusa.

Os paroquianos da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, que tem um grupo articulador de ações para levantar fundos para o auxílio à Missão na Amazônia, custearam o transporte das peças até Canutama. Foram doados R$ 1 mil para o pagamento da taxa referente ao excesso de bagagem no aeroporto, durante a viagem até Porto Velho (RO), e também os custos do transporte fluvial. Para o padre José Nilson, a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro se mostrou muito pronta, desde o início das atividades em prol da prelazia. “Não só ela como as demais paróquias da diocese, mas especificamente, falando da paróquia do padre Claudemir (Nascimento Leal) com ações a nível paroquial, que visaram ajudar a missão. Eu acho importante essa participação, essa prontidão, esse interesse da paróquia, que é resultado de todo um trabalho de motivação a nível diocesano”, ressalta padre Nilson.

A vice-coordenadora da Pastoral da Criança na Paróquia São João Batista, Luzinete Queiroz dos Santos, informa que as agentes atendem oito comunidades na cidade e mais uma ribeirinha, a Belo Monte. “As roupas deverão ser distribuídas apenas às crianças aqui da cidade porque não conseguimos contato com a coordenadora lá de Belo Monte para saber a quantidade exata das crianças e número de meninas e de meninos”, justifica, contando que a Pastoral faz o acompanhamento das famílias, gestantes e crianças, verificando a situação quanto à nutrição, vacinação...e também realiza a celebração da vida com as crianças, capacita e atualiza os líderes e ensina remédios caseiros.

Últimas Notícias
Bom Dia Astral 18/09/2021 ás 17:00h
Ponta Grossa 18/09/2021 ás 16:38h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/390000/capa_00393853_0_202109172202.jpg?xid=1135144
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades