menu

Azul inicia operação em PG no dia 13 de outubro

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras confirmou ontem que iniciou a venda de passagens para os voos entre Campinas (Viracopos) e Ponta Grossa, com tarifas a partir de R$ 119,90 o trecho ou 5.000 pontos do TudoAzul, programa de pontuação da empresa. A operação está confirmada para 13 de outubro, em uma frequência diária e sem escalas, cumprida pelo moderno turboélice ATR 72-600, de 70 assentos.

Ponta Grossa será a sexta base da Azul no Paraná – as demais cidades com operações são Curitiba, Cascavel, Foz do Iguaçu, Londrina e Maringá –, o que ampliará a liderança da empresa no estado, que hoje conta com 70 voos diários em território paranaense. Nos últimos 12 meses, a Azul abriu nove bases, entre operação doméstica e internacional.

Em Campinas (Viracopos), os clientes contarão com conexões para todas as regiões país, para destinos como Rio de Janeiro (Santos Dumont), Belo Horizonte, Recife, Porto Alegre, Manaus, entre outros, além de Fort Lauderdale/Miami, nos Estados Unidos, e Lisboa, em Portugal.

Segundo o secretário municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, Paulo Carbonar, a prefeitura da cidade tem licitações abertas para a instalação de serviços no aeroporto, mas não há confirmação de que esses serviços já estarão em pleno funcionamento até o início das operações. “Queremos continuar o trabalho para melhorar o atendimento aos usuários com lanchonete, estacionamento. Vamos fazer um esforço para conseguir implantar até a data”, explica.

O próximo passo é incentivar mais investimento da companhia, para que a cidade tenha novos voos e novas rotas. Para ter voos comerciais em um aeroporto do porte do Sant’ana, a cidade precisa ter um potencial de 50 mil passageiros, informou o secretário. “Ponta Grossa tem um grande potencial para cada vez melhorar o dia a dia da população”, diz.

O modelo ATR 72-600, de fabricação franco-italiana e amplamente utilizado pela Azul (a companhia é o maior operador do mundo), é o turboélice mais moderno que existe atualmente. Com 70 assentos, a aeronave é ideal para a operação de rotas consideradas regionais, caso de Ponta Grossa. A bordo, os clientes encontrarão o padrão Azul, em um avião com configuração de poltronas 2-2 e distribuição de snacks e bebidas à vontade e sem custo adicional.

A Azul foi considerada a melhor empresa aérea do mundo em gestão pela Airline Strategy Awards.

Vistoria da Anac foi realizada no início de setembro

No dia 1 de setembro, o aeroporto recebeu técnicos da Agência Nacional da Aviação Civil (Anac) para vistoria final, e pediram alguns ajustes, já realizados pela prefeitura. O investimento chega a quase R$ 14 milhões, com recursos da prefeitura, do governo estadual e federal. A reabertura do aeroporto Sant’Ana garantiu aproximadamente 30 empregos diretos, entre servidores públicos chamados através de concurso da prefeitura de Ponta Grossa para administração do espaço, profissionais da Azul, além de empresas que a companhia aérea está contratando para serviços como limpeza de avião, rampa e trator de reboque.

Últimas Notícias
Cotidiano 10/06/2021 ás 21:30h
Ponta Grossa 10/06/2021 ás 20:00h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/380000/capa_00381363_0_202106102059.jpg?xid=1092351
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades