menu

Receita Federal restituirá R$ 26,9 milhões na região

Valor será depositado na conta dos contribuintes no dia 15 de julho. Metade deles são do grupo prioritário

Receita Federal restituirá R$ 26,97 milhões a 24,2 mil contribuintes da região neste mês de julho. A consulta ao segundo lote de restituição 2019 do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) estará disponível na próxima segunda-feira, dia 8 de julho, e o dinheiro entrará nas contas dos contribuintes na segunda-feira seguinte, dia 15. Esse valor será pago a contribuintes que moram em 62 municípios da região abrangido pela delegacia da Receita Federal do Brasil em Ponta Grossa. A maior parte desse valor (R$ 26,21 milhões) será pago para 23.746 contribuintes que enviaram a declaração deste ano. O restante se refere ao lote residual de declarações enviadas entre 2011 e 2018.

Três grupos de pessoas serão contempladas neste segundo lote de 2019, explica o delegado da Receita Federal do Brasil em Ponta Grossa, Demetrius de Moura Soares. “Aproximadamente 50% das pessoas que receberão a restituição ainda se enquadram nas condições preferenciais. E os outros 50% estão sendo pagas as restituições de acordo com a data da transmissão da última declaração”, explica Soares. Neste grupo prioritário, além das pessoas com mais de 60 anos, e que possuem moléstia grave, estão inclusos aquelas que tem magistério (professores). “Isso mostra que a idade média da população está ficando mais elevada; o lote passado foi todo voltado às pessoas acima de 60 anos; não tinham sido contempladas as pessoas com magistério”, completou. 

Já com relação aos contribuintes não prioritários, serão contemplados aqueles que enviaram nos primeiros dias do prazo, ou seja, no início de março. Não há os dados sobre até qual dia de envio que será pago, mas Demetrius faz uma observação sobre esses prazos. “Caso o contribuinte tenha transmitido no início, mas no término tenha transmitido uma retificadora, a data que vale é a da retificadora”, completa. Para estes contribuintes cabem juros de 2,01%, calculados a partir de abril deste ano, com base na Taxa Selic.


Contribuintes devem ficar alertas

Quem está nos grupos prioritários, ou enviou nos primeiros dias, e não está nesta lista, recomenda-se uma verificação sobre eventuais inconsistências que a Receita Federal possa ter encontrado. A consulta pode ser realizada no site da Receita Federal (https://receita.economia.gov.br/), e acessar o extrato da DIRPF para verificação e eventual retificação de dado inconsistente; ou procurar pelo Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF) da Universidade Estadual de Ponta Grossa. O atendimento é gratuito e prestado no Edifício Imperador, na rua Júlio de Castilhos, 620, esquina com a rua Coronel Bittencourt.

Últimas Notícias
Cotidiano 26/01/2021 ás 14:00h
Campos Gerais 26/01/2021 ás 13:20h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/360000/cover_00364627_00.jpg?xid=1037606
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades