menu

INSS injetará R$ 120 mi na economia de PG com 13º

Somente gratificação fará movimentar R$ 40 milhões na economia local, que sobe a R$ 120 milhões com a folha mensal

A Previdência Social começou a pagar nesta segunda-feira (26) a primeira parcela do 13º salário. A cessão da gratificação natalina mais uma vez foi antecipada, se transformando em regra com a assinatura da Medida Provisória (MP) 891/2019, e terá a segunda (e última) parcela paga entre os últimos dias de novembro e dezembro. O depósito desse valor será feito  junto com a folha mensal de pagamentos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), cuja data de pagamento varia de acordo com o número final do benefício – para quem recebe mais que um salário mínimo o valor será depositado a partir da próxima semana (2). O pagamento dessa primeira parcela segue até o dia 6 de setembro, período no qual serão pagos, somente para os beneficiários de Ponta Grossa R$ 40 milhões.

Caso seja somada a primeira parcela com a folha mensal de pagamentos, o valor injetado na economia ponta-grossense será de R$ 120 milhões, informou ao Portal aRede e ao Jornal da Manhã a Assessoria de Comunicação Social do INSS do Paraná. Esse montante será pago para 51.161 beneficiários registrados em Ponta Grossa. No Paraná são 2 milhões de beneficiários, que irão receber R$ 1,26 bilhão somente com a parcela, e que se somado o valor do pagamento mensal, sobe para R$ 3,81 bilhões injetados na economia estadual. No Brasil, são cerca de R$ 30 milhões de beneficiários, que farão uma injeção de R$ 21,9 bilhões na economia neste terceiro trimestre.

Para os empresários do comércio, esse momento é bastante aguardado, informa o gerente do Sindicado do Comércio Varejista, Rafael Ribeiro. Como ele explica, a maior parte é utilizada para pagar contas, reduzindo a inadimplência para o final do ano, mas uma quantidade expressiva é utilizada para compras. “É uma injeção, de fato, ao comércio, importante para toda a região, porque o lojista cria expectativa considerável, por ser um dinheiro que vai entrar e vai circular, de fato. E não só para o pagamento de contas, mas para compras que serão feitas, em vestuário, em lojas de varejo de forma geral”, relata.

 

Valor pago equivale a 50% do benefício mensal

Nesta e na próxima semana, o valor que será pago será exatamente a metade do benefício, 50% do que o contribuinte recebe mensalmente, não havendo qualquer tipo de desconto. Por outro lado, o valor que será pago no final do ano (entre 25 de novembro e 6 de dezembro), terá o desconto do Imposto de Renda para aqueles contribuintes que estão na faixa de valor não isenta. São contemplados os brasileiros que recebem auxílio-doença, auxílio-acidente, aposentadoria, auxílio-reclusão, pensão por morte e os demais benefícios administrados pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Últimas Notícias
Ponta Grossa 27/08/2019 ás 10:17h
Ponta Grossa 27/08/2019 ás 10:01h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/280000/cover_00282733_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades