menu

Faturamento da Capal supera marca de R$ 2 bi em 2020

Crescimento da cooperativa, que atua no setor agrícola, pecuária e industrialização, foi superior a 35%


Se o ano de 2020 foi difícil para diversos setores da economia, o mesmo não se pode dizer para o segmento do agronegócio. O bom rendimento da safra, a alta do dólar e o aumento de consumo de produtos do agro com a pandemia, que demandou a importação por diversos países, fez com que houvesse uma valorização tanto na agricultura quanto na pecuária. E as cooperativas agropecuárias da região dos Campos Gerais foram beneficiadas com esse ‘boom’ do setor. A Capal, por exemplo, uma das maiores cooperativas agroindustriais da região, sediada em Arapoti, viu seu faturamento crescer mais de 35% e superar R$ 2 bilhões – em 2019, o faturamento foi de R$ 1,47 bilhão. 

Contudo, quando iniciou 2020, não era essa a perspectiva, explica o diretor financeiro da Cooperativa, Marco Rumen. “2020 foi um ano diferente, no início achamos que não iria decolar. Aos poucos, as coisas foram acontecendo: as transações com os cooperados, as safras foram muito boas. Os preços das commodities subiram além do que nós tínhamos imaginado quando fizemos o orçamento no final de 2019. Tudo isso ajudou no faturamento da cooperativa”, resumiu.

Além disso, todas as operações industriais tiveram um ano positivo, informou o diretor, como com o leite, e também com a unidade de suínos, através da fábrica da Alegra, que operou no azul. Os detalhes exatos dos valores obtidos não foram revelados pelo diretor, afinal, os números serão detalhados apenas na Assembleia Geral Ordinária. A única informação revelada foi que o faturamento teve um crescimento expressivo. “A Cooperativa rompeu a barreira dos 2 bilhões de faturamento, e as sobras não deixaram a desejar”, adiantou Rumen. 

As sobras são formadas com o movimento que cada cooperado faz na Capal. Quanto mais o cooperado movimentar no seu setor, maior será o volume das sobras. “Vamos imaginar que o cooperado está na linha da Pecuária Leite. Ele consome produtos da loja agropecuária, medicamentos, vacinas e a também a ração: são os principais insumos. Essa movimentação vai gerar uma sobra. No final, a cooperativa junta tudo e calcula a sobra daquele cooperado proporcional ao seu movimento durante o ano”, relata.


Cooperativa mantém crescimento

Na avaliação do diretor, a Cooperativa Capal está vivendo um momento muito positivo. “Temos um time bom, com o pessoal engajado, que entende o trabalho e a missão da cooperativa. Esse é um ponto importante para sempre destacar: qual é o papel da Capal? Eu considero a cooperativa como um imã que, por onde passa, vai atraindo todos os que querem entrar: cooperados, funcionários, fornecedores, clientes”, ressaltou Rumen.

Últimas Notícias
Campos Gerais 11/02/2021 ás 22:00h
Campos Gerais 11/02/2021 ás 20:30h
Ponta Grossa 11/02/2021 ás 20:20h
Ponta Grossa 11/02/2021 ás 19:20h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/360000/cover_00366986_00.jpg?xid=1044921
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades