menu

Imóvel pequeno ganha amplitude com integração de ambientes

Arquitetos priorizam a amplitude visual, facilidade para o dia a dia e apostam no estilo urbano e minimalista

Qual o tamanho do seu sonho? 34 m² era a medida certa para o jovem morador deste apartamento. Com 28 anos, buscava no primeiro apartamento a independência para assistir suas séries preferidas, jogar videogame quando sobra um tempinho e ter um lar para voltar, quando aproveita o tempo livre para suas adoradas viagens. Para traduzir os anseios do jovem e ajudar a tornar o desejo realidade, os arquitetos Renato Andrade e Erika Mello, do escritório Andrade & Mello Arquitetura, entraram em cena.

Por ser um apartamento pequeno, ele não acreditava que seria possível colocar todas as suas ideias na metragem disponível e por isso buscou os arquitetos para otimizar cada área ao máximo. “Nós fizemos o apartamento de uma amiga dele um ano antes e ele gostou das soluções que demos para a pouca metragem. Ele estava saindo da casa da família e buscava um espaço que o representasse e atendesse suas necessidades mínimas”, conta Renato.

Entre os desejos do jovem, a necessidade de ter um quarto separado dos demais cômodos era a número um. Por isso, setorizar o apartamento foi a primeira demanda do projeto. “Assim, optamos por alocar a área social (cozinha e sala) na varanda, e o espaço íntimo ficou mais reservado na área pré-definida pela construtora. Não usamos divisórias, os próprios móveis delimitam cada espaço, garantindo amplitude”, fala Erika.

Como mudança no layout do apartamento, a proposta dispensou paredes entre quarto, cozinha e varanda – esta ganhou fechamento de vidro para aumentar a área útil interna e teve o piso nivelado ao restante dos ambientes. Certos de que menos é mais, Renato e Erika lançaram mão apenas dos móveis necessários para atender o dia a dia do morador, investindo em um conceito mais minimalista, que traz a sensação de que o imóvel é maior. “Já que temos um espaço totalmente integrado, optamos por materiais mais urbanos, que imprimissem as características do morador – jovem e moderno, que gosta de coisas simples”, fala Renato.


Apartamento adota diversas soluções criativas

Na área íntima, os arquitetos posicionaram uma cama de casal convencional e um armário para closet fechado, que abrigou também uma pequena área de serviço, com máquina de lavar, espaço para acomodar vassouras, tábua de passar, varal de piso e produtos de limpeza. Entre a cozinha e a sala, como elemento divisor está a mesa (Mobly) de quatro lugares, espaçosa e confortável, que também serve como apoio para ampliar a área de trabalho da pia. Na sala de estar, o sofá (Tok&Stok) com quatro módulos se junta às cadeiras da mesa permitindo que o morador acomode com conforto oito pessoas. A TV foi instalada em um suporte deslizante no teto da varanda.


Informações da assessoria de imprensa

Últimas Notícias
Ponta Grossa 15/03/2020 ás 18:37h
Ponta Grossa 15/03/2020 ás 16:29h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/310000/cover_00316947_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades