menu

Vencedores do Oscar 2020 serão conhecidos neste domingo

Coringa’ e ‘1917’ são as apostas para o prêmio de Melhor Filme entregue pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos


A 92ª cerimônia de entrega do Oscar acontece neste domingo (9) no Dolby Theatre, em Los Angeles. O início do evento organizado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos é às 22h e deve seguir o estilo da última edição, sem um anfitrião, mas com muitas celebridades se alternando na apresentação, além de números musicais. Ao todo, 53 filmes foram indicados para as 24 categorias a serem premiadas, com muitos chegando cheios de favoritismo.

Para a estatueta de Melhor Filme, se fossem levados em conta apenas os números, o favorito seria Coringa, com 11 indicações – entre elas, de Melhor Ator (Joaquim Poenix) e Melhor Diretor (Todd Philips). Mas na mesma categoria, também aparecem com força os longas 1917, Era uma vez em... Hollywood e O Irlandês, com 10 indicações cada.

O favoritismo nas casas de aposta e nas premiações anteriores recai, então, sobre o drama ‘1917’, do diretor Sam Mendes. O longa que narra a jornada de dois soldados britânicos na Primeira Guerra Mundial está ganhando todos os prêmios que disputou na corrida pelo Oscar, entre eles Globo de Ouro, PGA e BAFTA, e tudo indica que vai ganhar mais um.

Completam a lista de indicados ao melhor filme: História de um casamento, Parasita, Adoráveis Mulheres, Ford vs Ferrari e Jojo Rabbit.


Atuação

O reconhecimento no Globo de Ouro pavimentou o caminho de Joaquim Phoenix rumo ao prêmio de Melhor Ator. Genial no papel do palhaço do crime, é improvável que alguém possa tomar dele a estatueta, mas caso aconteça, deve ser Adam Driver pelo papel de Charlie em História de um Casamento. Na categoria, ainda concorrem Leonardo Di Caprio, por Era Uma vez em... Hollywood, e os novatos no Oscar, Antonio Banderas por Dor e Glória e Jonathan Price por Dois Papas, longa dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles.

Entre as mulheres, a disputa conta com atrizes já premiadas: Charlize Theron, agora indicada por O Escândalo, e Renée Zellweger, que está levando todos os prêmios possíveis e é a mais cotada para ganhar a estatueta com seu papel em Judy – Muito Além do Arco-Íris. Completam a lista Saoirse Ronan por sua atuação em Adoráveis Mulheres, e indicadas pela primeira vez ao Oscar, Cynthia Erivo, por em Harriet, e Scarlett Johansson, por História de um casamento. Johansson também concorre como atriz coadjunvante por Jojo Rabbit.

As outras quatro estrelas indicadas para o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante são Kathy Bates, de O Caso Richard Jewell; Margot Robbie, indicada pela segunda vez por O Escândalo; além das favoritas Laura Dern, por História de Um Casamento; e Florence Pugh, por sua atuação em Adoráveis Mulheres.

Ainda nas categorias de atuação, Brad Pitt é o principal candidato a levar a estatueta de Melhor Ator Coadjuvante, por seu papel em Era uma vez em… Hollywood. O ator já venceu o Globo de Ouro e o BAFTA deste ano. A categoria aliás, só tem veteranos, velhos conhecidos do público disputam com Pitt:  Anthony Hopkins foi indicado por Dois Papas, Tom Hanks tenta seu sexto Oscar por Um Lindo Dia na Vizinhança, além de Al Pacino e Joe Pesci, ambos por suas atuações em O Irlandês.


Brasil

O país tem um representante concorrendo na categoria Melhor Documentário: Democracia em Vertigem, de Petra Costa. A obra narra episódios políticos recentes no Brasil como o processo de impeachment de Dilma Rousseff e a prisão do ex-presidente Lula. O documentário, porém, é visto como azarão pelos apostadores, sem muitas chances na disputa. 

O favorito na categoria é ‘American Factory’, que conta sobre a instalação de uma fábrica chinesa em uma cidade americana. Ainda concorrem ‘The cave’, ‘For Sama’ e ‘Honeyland’.


Filme estrangeiro

Esse parece ser o mais certo de se apostar: Parasita, de Bong Joon Hoo. Se confirmado o favoritismo, a produção sul-coreana pode se tornar a primeira não interpretada na língua inglesa a ganhar o prêmio. A obra faz crítica social de forma inteligente mostrando as diferenças no padrão de vida de duas famílias, uma que vive em um porão e outra em uma mansão. Além de Melhor Filme estrangeiro, Parasita também foi indicado a Melhor Filme, Melhor Direção, Roteiro Original, Edição e Design de Produção.


Colunista do JM aposta na vitória do ‘Filme 1917’

Para Fabio Gurski, pós graduado em Cinema e colunista do JM, o filme que vai levar mais estatuetas na noite do Oscar vai ser 1917. ‘Ele é o grande favorito em todas as categorias que está disputando, inclusive nas categorias técnicas como de som, mixagem, fotografia, porque o filme é muito bem feito. Isso fica mais evidente pelo filme ser todo contado em um plano de sequência. Dá a sensação que o filme foi gravado assim: ligou a câmera e foi até o final. E isso é extremamente difícil de fazer no cinema, e ele fez com uma maestria incrível. Ele é simplesmente uma aula de cinema, tecnicamente ele é perfeito’, ressalta.

Gurski acredita que o Coringa leve o Oscar de melhor ator. ‘Joaquim Phoenix, o filme é dele! Ele tem tempo de tela e tem tempo para construir um personagem simplesmente incrível. Então acho difícil alguém tirar do Phoenix, acho difícil acontecer uma surpresa nessa categoria’, complementa

Últimas Notícias
Romulo Cury 08/02/2020 ás 05:00h
Ponta Grossa 07/02/2020 ás 23:00h
Cotidiano 07/02/2020 ás 21:44h
Ponta Grossa 07/02/2020 ás 20:50h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/310000/cover_00313102_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades