menu

Geada traz perdas à safra de inverno nos Campos Gerais

Impacto foi maior nas plantas que estão em fase mais evoluída de desenvolvimento. Plantas menores têm maior resistência

Os dias frios, com geada na região dos Campos Gerais neste sábado e domingo, trouxeram perdas para parte dos produtores rurais. De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Ponta Grossa, Gustavo Ribas Netto, para quem plantou mais cedo, utilizando cultivares precoces, o clima deve ter impactado de forma negativa. “Quem plantou no começo do ciclo, de forma que está com o plantio em nível mais avançado de estágio da planta, impactou. A geada pega quando a planta está maior, com a formação de cachos”, informa.

Para ele, entre 20% e 30% dos produtores de cultivares de inverno, especialmente o trigo, podem ter sido impactados. Se o cultivar foi plantado há pouco tempo, sofre menos impacto. “Para quem plantou mais tarde, o frio não é ruim, pela resistência da planta ao frio”, esclarece. E ainda há uma variação da intensidade da geada entre as áreas dos Campos Gerais. Mas o impacto, de forma geral, não é tão grande. “Por impactar em um volume que não é o total, digamos 20%, e dentro dessas vamos dizer que tenha uma perda de 20%, dará uma redução de 4%”, relata. 

Segundo o Deral, a área estimada plantada de trigo para a safra 2019 foi de 17.500 ha, e estima-se que cerca de 80% das lavouras encontram-se em fase de desenvolvimento vegetativo e 20% em fase de floração.

Últimas Notícias
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 10:45h
ao vivo 31/07/2019 ás 10:35h
Esporte 31/07/2019 ás 09:45h
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 09:44h
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 09:21h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/260000/cover_00269226_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades