menu

Casa de Artes transforma Ponta Grossa em poesia 

Companhia teatral já se apresentou no país inteiro e conta com mais de 70 espetáculos e 3 mil alunos formados

Com o sonho de transformar todo piso em palco, toda parede em mural e a cidade inteira em poesia, há 15 anos nascia em Tibagi o projeto ‘Casa das Artes’. Uma companhia de teatro que já viajou para todos os cantos do país, produziu mais de 70 espetáculos, participou da formação de mais de 2 mil alunos, e cresceu muito além do que imaginava. Dando início a uma nova fase, esse ano a Casa transferiu a unidade de Tibagi para Ponta Grossa, em um prédio que estava em ruínas e foi reformado pelos próprios artistas, que colocaram a mão na massa.

A nova casa fica na rua Doutor Colares esquina com a Rui Barbosa, e tem salas para aulas de danças, teatro e um espaço com 46 lugares, onde todas as sextas, sábados e domingos acontecerão apresentações de artistas de diferentes regiões. Vai ter peça para todos os públicos e ingressos com valores democráticos, para todo mudo apreciar. A temporada nem começou e a agenda do teatro já está fechada até o final do ano.

Além de Ponta Grossa, a Casa das Artes atua em Ventania, Ortigueira e Curitiba, e oferece mais de 30 cursos livres, como aulas de balé, dança contemporânea, jazz, sapateado, teatro musical, clown, entre outros. Para participar, não tem gênero, peso, tamanho, ou idade, nas palavras do diretor da companhia Alberto Portugal, “nosso lema é de mamando a caducando”. Com grande variedade de cursos, a escola busca ajudar os alunos a se encontrarem. “A gente trabalha com pessoas, descobrindo o que essas pessoas podem ter de bom, dentro das artes”, explica o diretor.

A abertura oficial da nova unidade é neste domingo (28), às 18h. Os alunos prepararam para a noite de inauguração diferentes apresentações culturais, entre as quais a peça “Post Morten”. A cerimônia é gratuita e aberta a todos que queiram conhecer o espaço.


Objetivo é aquecer cenário cultural

Com as portas abertas, a casa pretende aquecer ainda mais a cenário cultural da cidade. “Ponta Grossa hoje é um polo cultural superfértil, a gente tem muita gente produzindo, é uma cidade que tem um movimento cultural superintenso. Escolhemos a cidade porque a gente acredita que aqui nós podemos crescer além das outras unidades que a gente ainda tem”, complementa Portugal. Enriquecendo a cultura local, mas sem deixar de viajar e representar a região em festivais de dança e teatro. No próximo mês a companhia se apresenta no Prêmio Desterro em Florianópolis, e ano que vem participa de um espetáculo na Broadway.

Últimas Notícias
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 10:45h
ao vivo 31/07/2019 ás 10:35h
Esporte 31/07/2019 ás 09:45h
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 09:44h
Ponta Grossa 31/07/2019 ás 09:21h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/260000/cover_00269226_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades