menu

PG é destaque no cenário econômico estadual e nacional

Cidade teve alta de 45% no PIB em quatro anos, elevou em 34% o número de empregos e exportou mais de R$ 2,5 bi em 2018


O município de Ponta Grossa é um dos protagonistas no cenário estadual e nacional, no que tange números relacionados à economia. Como uma das 100 maiores cidades do Brasil em população com seus cerca de 350 mil habitantes, destaca-se com o 74º maior Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, com a geração de R$ 12,97 bilhões em riquezas segundo o último levantamento divulgado pelo IBGE (referente a 2016). Tal valor apresentou um crescimento de 45% desde 2012, ou seja, em quatro anos, incremento acima da média nacional, impulsionado pela ampliação de indústrias ou instalação de novas, através de 50 novos investimentos desde 2013. Esse e outros números estão em evidência em publicações da Prefeitura de Ponta Grossa, na campanha de divulgação “Quando o assunto é desenvolvimento, Ponta Grossa Decola!”.

Conforme o levantamento, Ponta Grossa também teve destaque na geração de emprego, com o incremento de 34,2% na comparação com 2017. Em 2018, Ponta Grossa gerou quase 1,4 mil novas oportunidades com carteira assinada. Número que deverá crescer neste ano, afirma o Secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, José Loureiro. “Em fevereiro, por exemplo, o Caged mostrou que Ponta Grossa gerou mil empregos, isso mostra que a economia está diferente do nosso Estado e do Brasil. Pelo levantamento, o John Elvis Ramalho, mencionou que a nossa Agência do Trabalhador foi a que mais se destacou nesse período, o que é um bom sinal”, informou.

As exportações, que fecharam 2018 em R$ 2,59 bilhões, também foram destacadas pelo município, a sexta principal neste ranking do Estado, segunda maior do interior. Porém os números deste ano já estão mais positivos: nos três primeiros meses o registro é de R$ 1 bilhão comercializados a outros países. “Ponta Grossa está crescendo e está no caminho certo. Todos esses números estão comprovando isso”, reforça José Loureiro.


Expansões

Ponta Grossa contabiliza investimentos industriais bilionários desde 2013. Somente somando quatro investimentos, são mais de R$ 2,2 bilhões aportados na cidade. Nesta conta entram novas unidades, como da Ambev (R$ 850 milhões) e da DAF (R$ 800 milhões), e ampliações, como da Heineken (R$ 400 milhões) e da Tetra Pak (R$ 200 milhões) para ampliarem suas fábricas no Distrito Industrial.


Novo investimento será anunciado

Outro fator que deverá impulsionar o crescimento de Ponta Grossa nos próximos anos são os novos investimentos industriais. Na próxima semana, Loureiro garante que um novo investimento será anunciado. Os únicos detalhes adiantados por ele é que será uma multinacional que irá instalar sua primeira unidade no Brasil em Ponta Grossa. O Secretário também lembrou a possibilidade da expansão da Tetra Pak com o novo investimento da Klabin e uma ação no Distrito Industrial para que possa receber novas indústrias, através do Governo do Estado. “Estamos fazendo uma reestruturação geral. O vice-governador, Darci Piana, pediu um levantamento dos espaços que temos disponíveis. Então estamos fazendo uma revisão de todas as áreas para poder, junto com o governo do Estado, trazer novas indústrias para a cidade”, ressaltou Loureiro.




Últimas Notícias
Bom Dia Astral 27/05/2019 ás 00:05h
Cotidiano 26/05/2019 ás 19:31h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/260000/cover_00261074_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades