menu

PG teve mais de 1,8 mil motoristas com CNH suspensa

Dados revelados pelo Detran mostram que a maioria dos motoristas que perderam a CNH são homens acima dos 40 anos

Os dados mais recentes do Anuário Estatístico do Detran/PR, referentes a 2017, mostram que mais de 1,8 mil motoristas ponta-grossenses tiveram a carteira nacional de habilitação (CNH) suspensa e outros 243 tiveram o documento cassado. A maioria dos infratores é formada por homens acima de 40 anos, conforme detalhamento do Detran/PR encaminhado ao portal aRede/Jornal da Manhã.

Uma CNH pode ser suspensa por dois motivos: estourar o limite de 20 pontos ou cometer ums infração em que a suspensão seja parte da pena. No primeiro tipo, enquadram-se 1.260 condutores, enquanto a segunda modalidade de suspensão foi responsável por tirar a CNH de 555 motoristas na cidade. As suspensões variam de dois meses a um ano, dependendo da gravidade das infrações cometidas.

Entre aqueles que passaram do limite de pontos na carteira, a infração mais comum foi ‘transitar com velocidade superior à máxima permitida em até 20%’ – foram 3.068 casos, o equivalente a 36,9% do total. Em seguida, aparece ‘estacionar em desacordo com a regulamentação’, responsável por 2.263 autuações (27,2% do total). A terceira infração mais comum entre aqueles que passaram dos 20 pontos na CNH é dirigir com velocidade superior ao limite em 20% e 50%, com 533 casos.

Já levando em consideração aqueles condutores que tiveram a CNH suspensa imediatamente como parte da punição por uma infração específica, o excesso de velocidade novamente aparece como líder. Foram 281 motoristas flagrados com a velocidade acima de 50% do máximo permitido na via, o correspondente a 50,6% do total. Dirigir sob influência de álcool ou drogas também teve número significativo, com 167 casos (30% do total).

Entre as 1.815 CNHs suspensas em Ponta Grossa, 1.319 pertenciam a homens, conforme o levantamento do Detran/PR – o número equivale a 72,6% do total. Com relação à idade, os motoristas com mais anos de experiência também são os que mais tiveram suspenso o direito de dirigir. Foram 996 suspensões de CNH para condutores com mais de 40 anos, enquanto os motoristas com idades entre 18 e 39 anos foram responsáveis por 819 suspensões.

Violar suspensão causa 218 cassações de CNH

Ainda de acordo com os dados revelados pelo Detran/PR, a principal causa das cassações de carteiras em Ponta Grossa foi a violação das suspensões. Entre os 243 casos registrados em 2017 no município, 216 ocorreram porque o motorista foi flagrado dirigindo com a carteira suspensa ou cassada. Outras 25 situações referem-se a outros tipos de infrações, como dirigir embriagado, permitir que alguém sem habilitação dirija o veículo ou conduzir veículo de categoria diferente da CNH. Novamente, os homens são maioria – 203 cassações de CNH foram de homens, contra 40 de mulheres.

Últimas Notícias
Ponta Grossa 14/11/2019 ás 22:03h
Ponta Grossa 14/11/2019 ás 20:13h
Agronegócio 14/11/2019 ás 19:41h
Ponta Grossa 14/11/2019 ás 19:40h
Ponta Grossa 14/11/2019 ás 19:10h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/300000/cover_00303269_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades