menu

Azul retoma venda de passagens entre PG e Campinas

Venda de passagens está disponível para a partir do dia 1º de julho, para cinco voos semanais, de segunda a sexta

Azul Linhas Aéreas retomou a venda de passagens aéreas para a rota aérea entre Ponta Grossa e Campinas. Os voos desta rota, iniciados em outubro de 2016, funcionaram de forma ininterrupta por três anos e cinco meses, até a pandemia do coronavírus fazer com que todas as companhias aéreas interrompessem quase 100% das suas atividades no Brasil. Pelo site da Azul, é possível fazer compra das passagens a partir do dia 1º de julho.

Pelo site, há a disponibilidade de compras das passagens em cinco dias da semana em julho, entre segundas e sextas-feiras, como foi feito durante alguns meses no passado nesta rota, totalizando cinco voos diários. Desde fevereiro, a empresa estava realizando voos todos os dias. Antes disso, eram quatro voos semanais, sendo três em dias de semana e um no fim de semana. 

Os voos serão realizados pela tarde. O avião ATR-72 decolará do aeroporto de Viracopos (VCP) às 13h30 para ‘estacionar’ no pátio do aeroporto Comandante Antonio Amilton Beraldo (PGZ), mais conhecido como Sant’Ana, às 14h55. Já o avião decolará de Ponta Grossa às 15h35, para pousar em Campinas por volta das 16h55. 

O superintendente aeroportuário, Victor Hugo de Oliveira, revelou que a Azul não confirmou oficialmente o retorno das atividades. “Eles ainda não entraram em contato. Normalmente pedem a aprovação de malha um mês antes. Mas como maio e junho está indisponível, dá a entender que eles estão sinalizando a volta, porque estão com preços bastante competitivos”, informa.

Como explica Oliveira, a retomada dos voos é necessária para gerar receitas ao aeroporto e pagar a folha dos profissionais envolvidos nas operações aeroportuárias, pois há um deficit neste momento sem os voos comerciais das duas companhias. “O Aeroporto está todo preparando para atender as companhias aéreas. Ele está preparado para uma volta, que é necessária, para que o comércio, a indústria e todo o setor produtivo possa movimentar, retomando a economia. E sem falar que Campinas é uma conexão para todo o mundo”, disse. Neste período sem voos comerciais, foram feitas alterações no balizamento noturno e mudanças nas pinturas, como exigências da ANAC (Agência Nacional da Aviação Civil) para estar de acordo com as operações IFR. 

A reportagem do Jornal da Manhã e Portal aRede entrou em contato com a assessoria de imprensa da Azul, questionando a conformação das retomadas dos voos e de outras rotas no Estado, ligadas ao plano de aviação regional do Paraná, mas não obteve o retorno até o fechamento desta matéria.


Voepass informa que voos permanecem suspensos em PG

Outra empresa que interrompeu suas operações em Ponta Grossa é a Voepass. Os voos entre Ponta Grossa e São Paulo (aeroporto de Congonhas) foram realizados até a segunda quinzena de março e então interrompidos. Para o final de março havia a previsão de início da nova rota aérea entre Ponta Grossa e Foz do Iguaçu, o que não foi possível. No site da empresa é possível ver a oferta de passagens para essas duas rotas, já para 1º de junho, mas a reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da Companhia, que confirmou que os voos permanecem suspensos no município, não informando uma previsão de retomada das atividades na cidade.

Últimas Notícias
Ponta Grossa 19/05/2020 ás 21:13h
Cotidiano 19/05/2020 ás 20:36h
Ponta Grossa 19/05/2020 ás 19:18h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/320000/cover_00324219_00.jpg
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades