menu

Gasolina chega a R$ 7,49 e diesel supera os R$ 7,69 em PG

Reajuste anunciado pela Petrobras já chegou nos postos da cidade. Preço do litro do diesel superou o da gasolina 


O aumento nos preços dos combustíveis, anunciado na última sexta-feira (17) pela Petrobras, válido a partir do sábado (18), começou a incidir nas bombas dos postos de combustíveis em Ponta Grossa. A empresa anunciou um incremento de R$ 0,20 na gasolina (5,18%) e R$ 0,70 no diesel (14,26¨%). Ao contrário de vezes anteriores, em que haviam reajustes aplicados no mesmo dia do anúncio, dessa vez, na maior parte dos postos, houve o repasse posterior. Na tarde desta segunda-feira (20), por exemplo, era possível encontrar alguns postos ainda sem o reajuste no diesel e na gasolina. Entre os que atualizaram o preço da gasolina, na maior parte deles, o preço chegou nos R$ 7,49. No diesel, os preços chegaram entre R$ 7,64 e R$ 7,79.

Esses reajustes já fizeram o preço médio dos combustíveis subir na cidade, em relação às semanas anteriores. Levantamento feito pelo Portal aRede no aplicativo ‘Menor Preço’ aponta que o preço médio da gasolina, com base nos preços coletados em 51 bombas de combustíveis em Ponta Grossa, agora está custando R$ 7,34. Há 28 postos com preço em R$ 7,30 ou abaixo, e 21 com preço de R$ 7,49 – o valor mais alto é de R$ 7,57. O valor médio atual está R$ 0,09 acima da média da semana entre 5 e 11 de junho (R$ 7,25), conforme o último levantamento da ANP na cidade, o que significa reajuste médio de 0,25% até o momento. 

Já no caso do diesel, o aumento trouxe impactos maiores nos preços. Embora ainda seja possível encontrar, em 10 postos, esse combustível com preços abaixo dos R$ 7,25, em seis os valores já passam dos R$ 7,60, ou seja, já passam o valor da gasolina. Com base nos preços coletados em 23 pontos diferentes da cidade, pelo mesmo aplicativo ‘Menor Preço’, o valor médio desse combustível é de R$ 7,365. Na semana entre 5 e 11 de junho, o preço médio praticado nesse combustível era de R$ 6,99, segundo o levantamento da ANP, o que significa um aumento médio já de R$ 0,37, ou seja, aproximadamente 5,3%.

Por outro lado, o preço do etanol apresenta uma leve queda. O preço médio na semana anterior, era de R$ 5,47, valor que caiu para R$ 5,42, em média, ou seja, R$ 0,05. O preço mais comum é R$ 5,59, encontrado em 22 postos da cidade, ao passo que os valores mais baratos giram entre R$ 4,87 e R$ 4,99. Embora haja uma diferença de quase R$ 2 entre a gasolina e o etanol, para os proprietários de carro bicombustível ainda é mais compensador abastecer com gasolina. Como o consumo do etanol é maior, rendendo quase um terço a menos que o derivado do petróleo, o ‘álcool’ deveria custar, no máximo, R$ 5,13, para ser mais vantajoso aos motoristas. 


Preços mais do que dobraram em dois anos na cidade

Na comparação com os preços praticados no final de maio de 2020, ou seja, há dois anos, na época que os valores caíram devido à pandemia, os preços dos combustíveis mais do que dobraram. A gasolina, neste período, custava R$ 3,33, ao passo que agora, aos R$ 7,34, passou por um reajuste de 120,4%. Em valores, o aumento foi de R$ 4,01. Percentualmente, é o combustível com a menor alta. A segunda maior alta foi do etanol, que passou de R$ 2,43, o litro, para R$ 5,42, em aumento de R$ 2,99 no preço do litro, o que significa uma alta de 123,04%. Já o diesel passou pelo maior aumento em dois anos, de 171,7%. Se o litro era vendido por R$ 2,71, agora, com o preço médio de R$ 7,365, o aumento foi de R$ 4,655


Especialista dá dicas para economizar

Diante das altas nos preços dos combustíveis, o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), Reinaldo Domingos, faz um alerta sobre os riscos para as finanças. “O aumento ocasiona um gasto extra que deve ser avaliado antes de entrar no orçamento. Repense o uso do carro em determinadas situações, já que nem sempre é preciso fazer tudo com ele”, revelou. Diante disso entre as dicas para economizar, estão oferecer e pegar caronas, dirigir o veículo com consciência, abastecer em postos de confiança, manter os pneus calibrados e manter o carro revisado – afinal, além de evitar imprevistos, um motor mal regulado pode gastar mais combustível.

Últimas Notícias
Cotidiano 20/06/2022 ás 22:03h
Ponta Grossa 20/06/2022 ás 21:42h
Ponta Grossa 20/06/2022 ás 19:40h
Ponta Grossa 20/06/2022 ás 19:25h
Destaques
Fluidos Positivos
Paulo Coelho
VÍDEOS
Mix
/img/cover/420000/capa_00426971_0_202206172031.jpg?xid=1248384
+ Empregos
+ Bom Dia Astral
+ Romulo Cury
+ Variedades